...

...

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Caso da Arrozeira Beira Rio e Deputado Paulo Pimenta:Ou:Até quando vai prevalecer a impunidade? 19 / 02 / 2014

quarta-feira, 25 de julho de 2012


Jornalista insiste com denúncias contra o deputado Paulo Pimenta

São estarrecedoras as denúncias que constam do dossiê montado contra o deputado Paulo Pimenta, que o jornalista Júlio César de Lima Prates recebeu e que repassou para líderes do PT da sua cidade, Santiago, e do Estado.

. O jornalista foi ameaçado de morte depois que começou a falar no assunto no seu blog.

. As denúncias estão sendo checadas há bastante tempo por Júlio César de Lima Prates. Ele viajou a Santa Maria, terra do deputado do PT, foi a São Borja, e constatou que há boa dose de verdade no que viu.

. O dossiê só não foi divulgado e nem sê-lo-á porque ainda precisa ser melhor trabalhado.

. No seu blog e em contato com o editor, o jornalista de Santiago responsabilizou o governo estadual para o caso de acontecer algo de ruim com ele ou com a família, que também foi ameaçada.

- O deputado Paulo Pimenta foi chefe de gabinete do então deputado Marcos Rolim, mas decidiu sair da função para fazer uma carreira solo. Ele também foi bem sucedido nos negócios.

sexta-feira, 27 de julho de 2012


Ações judiciais em São Borja envolvem deputado Paulo Pimenta, PT, em imbroglios de compra e venda de arroz na Fronteira Oeste do RS


Logo depois que o jornalista Júlio Cesar Prates, de Santiago, RS, revelou ter sido ameaçado de morte e responsabilizou o PT e o governo estadual por qualquer atentado que ele e sua família sofrerem, suas denúncias sobre dossiê que circula na região de Santa Maria e São Borja contra o deputado Paulo Pimenta, PT do RS, tiveram novos desdobramentos.
Na nota a seguir, o jornalista Volmer Jardim, do Alegrete, revela a existência de três processos que correm no Foro de São Borja, todos eles com informações sobre ricas propriedades (fazenda e cerealista) que seriam de propriedade do deputado petista, embora estejam em nome de terceiros. Leia o material, que é do jornal Expresso Minuano:
“O que antes era somente uma suspeita agora materializou-se na forma de denúncia ao Judiciário. Em São Borja um agricultor divulgou documento que supostamente comprovaria o envolvimento do deputado federal Paulo Pimenta, do PT, na compra fraudulenta de arroz. O parlamentar petista nega que tenha participado do imbróglio, que envolveria também um primo dele.
Pelo menos três ações tramitam no foro de São Borja, de autoria de arrozeiros que negociaram sua produção com a Cerealista Beira-Rio, sem receberem pagamento. O proprietário da cerealista seria testa-de-ferro do deputado, ainda segundo o que se comenta na cidade missioneira.”  (Jornalista Políbio Braga)



(Fontes:Tribuna de Imprensa e Jornalista Políbio Braga)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Regras éticas para o Comentador

Artigo 1 - A Coluna Trevosa não é um Colunismo Partidário e nem se limitará à politica

Artigo 2 - Se ela apoiar causas específicas não implicará em ter preferência por esse ou por aquele partido.

Artigo 3 - A coluna Trevosa não vai censurar ninguem e nem Moderar Comentários chamando para sí apenas a reserva de excluír somente aquilo que ofender atacando a pessoa do editor ou a a pessoa da fonte noticiosa de forma deliberada e intencional nos termos dessa lei.


Artigo 4- Se houver ofensas as mesmas serão substituidas por "asteríscos" (***) sendo publicado o restante sem reserva nenhuma.

Paragrafo Único:Somente será considerada ofensa se não houver bases para tal argumentação e inseridas em um aspecto que é incoerente ao que está sendo tratado.